Quando o assunto é marketing, há tanto conteúdo teórico e tantas formas diferentes de implementar que muitas vezes nos sentimos perdidos.

Para dar uma mãozinha aos gestores e gestoras de escolas, selecionei aqui 5 possibilidades para atrair pais e alunos que podem ser utilizadas por qualquer escola, até mesmo aquelas com orçamento mais restrito.

  1. Marketing boca a boca

Nada como um bom marketing boca a boca para convencer alguém a comprar um serviço ou produto.

Garantir que pais e alunos fazem boa propaganda da sua escola é essencial. Por isso, nunca perca o foco em oferecer um ensino de qualidade e atender bem pais e alunos. Buscar diferenciais inovadores para sua escola também ajuda a colocar sua escola na “boca do povo”, pois ela deixa de ser “mais uma” e passa a ser a referência naquele diferencial. Dentre os diferenciais buscados pelas escolas estão programas bilíngues, atividades maker, educação socioemocional e assim por diante.

Para potencializar o “boca a boca”, crie programas de recompensa, os chamados member-get-member, em que um aluno é recompensado uma vez que outro aluno se matricula por conta de sua indicação.

2. Marketing Inbound – Conteúdo

O marketing inbound é aquele que leva seus clientes até você. Há muitas formas de fazê-lo: panfletos, anúncios (rádio, TV, Google, Facebook, revistas, jornal), banners em sites, conteúdo e assim por diante. A lista é vasta.

Desses, eu considero a geração de conteúdo um dos melhores. O que seria isso? A forma mais comumente utilizada é a publicação de conteúdo relevante para o seu público num blog mantido pela sua escola.

Além de posicionar sua escola como referência em assuntos que os pais consideram importantes, leva potenciais clientes para o site da sua escola DE GRAÇA!

Por isso, essa tem sido a principal forma que as empresas têm utilizado para gerar visitas em seus sites e, consequentemente, converter essas visitas em clientes.

3. Marketing inbound – Google Ads

Apesar de parecer um investimento muito caro, anúncios no Google são bastante eficazes e podem trazer retorno mesmo se o investimento não for alto.

Para quem não sabe, quando uma empresa faz um anúncio no Google ela escolhe para quais palavras ela quer aparecer quando alguém fizer uma busca.

Por exemplo, se alguém fizer uma busca por “escola ensino fundamental” a sua empresa pode aparecer como primeiro resultado. Se a pessoa que está buscando clicar, você vai pagar por esse clique. Um clique numa busca dessas palavras está custando hoje entre R$ 1,33 e R$ 7,54. Isso significa que a cada pessoa que clicar no anúncio da sua escola, você pagaria algum valor dentro dessa faixa.

Mas tem dois truques bem interessantes que podem tanto limitar o montante a ser gasto com essa campanha como também aumentar a eficiência do anúncio.

O primeiro é limitar o valor diário a ser gasto. O Google permite que você defina um orçamento diário que pode ser gasto com aquele anúncio. Se chegar no limite, ele desativa e você não gasta nada além daquilo que definiu. O mínimo diário são R$ 5,00. 

O segundo é especificar a região para onde você quer que o anúncio apareça. Isso significa que é possível dizer para o Google que você quer que o anúncio apareça apenas para pessoas que estão fazendo a busca no mesmo bairro (cidade, raio, etc) que a sua escola se encontra.

Nesse tipo de divulgação, é importante fazer um acompanhamento bem próximo para garantir que o anúncio está sendo eficiente e trazendo resultados.

4. Mídias sociais

Hoje não tem mais como fugir delas. Elas são ponto de referência para qualquer empresa.

Quando nos deparamos com algo que nos interessa ou que pretendemos contratar/comprar, inevitavelmente vamos às redes sociais conhecer um pouco mais.

E aí está uma ótima oportunidade para demonstrar para os futuros clientes quais são os valores e diferenciais da sua escola.

Lembre-se que as mídias sociais são um dos melhores, senão o melhor, canal de comunicação com pais e alunos atuais. Logo, é um investimento que vale a pena pois ajuda tanto na fidelização quanto na atração de alunos.

Inclusive tenho observado que muitas escolas postam conteúdo gerado pelos seus próprios alunos, o que pode ser uma boa demonstração do que sua escola oferece e da satisfação de seus alunos.

5. Ofereça bolsas

Oferecer bolsas é uma forma de dar descontos de uma forma limitada. Diferentemente de um desconto convencional, que acaba sendo aberto a todos, as bolsas, em geral, são limitadas a um determinado número de alunos, o que ajuda a não deteriorar muito a margem da sua escola.

Além disso, oferecer bolsas pode ser uma forma de trazer visibilidade para sua escola. Sites como o Melhor Escola e o QueroBolsa, que concentram ofertas de bolsas de estudos, acabam sendo uma vitrine de escolas.

Bem, certamente há outras inúmeras formas de se atrair pais e alunos para sua escola, listei aqui aquelas que acredito serem as que têm melhor custo-benefício.

E na sua escola? Quais formas você utiliza?